Mergulhando nos Livros – Uma Nova Perspectiva


Boa noite a todos (está de noite ai? Porque aqui está…).

Enfim tive tempo de voltar ao blog, para escrever algo. Peço desculpas por esses dias que passei longe… tava completamente sem tempo, graças a faculdade. Mas, como prometido, aqui estou eu e com um post novo para vocês.

Mais de uma vez disse que bons livros são difíceis de se encontrar e que temos de dedicar tempo na busca se quisermos algo bom… e o que eu disse com toda a certeza é aplicável a praticamente todas as situações. Ou pelo menos deveria ser.

É um acontecimento muito raro, encontrar um livro bom sem antes procurar saber quem o escreve, qual a editora… dentre outras minucias. Mas tal fato pode vir a acontecer quando menos esperamos. Não digo que seja algo ruim, longe disso. É só que é bem raro mesmo de acontecer. Comigo, por exemplo, foram poucas as vezes que isso aconteceu. Mas em todas as vezes, a leitura provou ser bastante agradável. Bem como foi a experiencia mais recente, da qual falarei neste post.

Imaginem um mundo em que tudo o que conhecemos deixou de existir. Onde os limites de nossa imaginação são testados a todo momento, provando que tudo o que conhecemos não passa de apenas um pequeno grão de areia perdido na vastidão do universo. Onde a vida deixou de ser algo tão palpável quanto estávamos acostumados e que a imortalidade está a apenas um passo de distância. Sejam bem vindos ao nosso mundo, em 4013.

A Criação, do autor Robert Abreu de Melo, é um livro ousado. Digo isso pois todo o seu conteúdo mexe com o leitor de forma que poucas coisas conseguem. Nele, nos é apresentado um mundo completamente diferente do nosso, um mundo onde a ficção cientifica deixou de habitar apenas os livros e tornou-se realidade. Um mundo em que a ciência comanda todos os sentimentos.

Robert, com esse livro, nos proporciona uma visita a um mundo completamente inusitado, onde tudo o que é mostrado ao leitor atiça sua imaginação por meio de imagens realistas. Tudo o que é lido torna-se facilmente uma nova chama em nossa mente, chama essa que nos leva de encontro a um futuro surreal, mas plausivel e, possivelmente, inevitável.

A experiência que vivemos poucas vezes pôde ser vivida de outra fonte, pois a forma que o livro nos apresenta só é encontrada em criações de autores como Franz Kafka. Além disso, toda a visão que temos, que encontramos em cada pagina, são imagens do realismo fantástico, estilo explorado por outros grandes autores. Tal associação poderia, em outro contexto, levar o livro a ciar na repetição, ou a ser visto simplesmente como uma reunião de pequenas partes de outras historias… mas é nessa mesma associação que A Criação brilha, mostrando-se autossuficiente, fugindo da repetição e da pieguice.

Robert Melo fez um magnifico trabalho com esse livro, e eu o saúdo por ter me proporcionado uma das melhores experiências que já vivi. Recomendo à todos os adoradores de grandes obras e aos que só procuram um livro para os fazer companhia nas horas mais solitárias.

Preparado para ver tudo o que você conhece, mas de uma perspectiva diferente?

 

Anúncios

Sobre Wladimir Araújo Neto

Developer, writer, negative atheist, fascinated by coffee and in love with computing. Podcaster at TambaCast and a New Orleans Saints fan. Desenvolvedor, escritor, ateu negativo, fascinado por café e apaixonado por computação. Podcaster no Tambacast e torcedor do New Orleans Saints.

Publicado em 29/12/2010, em Livros. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: